Assassino de PM morre em confronto

Publicado: 28 de março de 2009 em Uncategorized
Leandro dos Santos Nascimento, o Pipoca, 17 anos

Leandro dos Santos Nascimento, o Pipoca, 17 anos

Apontado como autor dos disparos que tiraram a vida do cabo PM Marcelo Mafia Martins, 37 anos, Leandro dos Santos Nascimento, o Pipoca, 17, morreu na manhã deste sábado, dia 28, ao trocar tiros com agentes do Serviço de Inteligência do 12º BPM (Niterói). Na mesma ocorrência, outros dois criminosos foram presos: Marcel Fernandes de Oliveira, 20, e Valter Felipe da Silva, 24. Enquanto o primeiro estava na moto junto com o menor, o segundo emprestou o veículo e um revólver calibre 38 para a dupla.

Lotado na 4ª Companhia do 12º BPM (Niterói), sediada em Maricá, na Região dos Lagos, o cabo Mafia morreu na Unidade Municipal de Urgência Mário Monteiro, localizado no bairro Cafubá, na Região Oceânica de Niterói, na noite de quinta-feira, dia 26. Ele foi levado para a unidade de saúde após ter ser baleado em Itaipuaçu, distrito de Maricá.

Ele estava de serviço e foi atingido por criminosos a quem perseguia. Os bandidos seguiam em uma moto sem placa pela Rua 14, na localidade São Bento da Lagoa, e não obedeceram à ordem para que parassem. O cabo havia acabado de sair da 82ª DP (Maricá), acompanhado pelo sargento Alberto, e seguia para patrulhamento na região após o registro de uma ocorrência. O corpo do PM, que servia no batalhão de Niterói há oito anos, foi enterrado no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap. Ele era casado e deixou dois filhos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s