Promoção na boca: junte 10 embalagens e troque por uma

Publicado: 15 de abril de 2009 em Uncategorized

Fotos: Vitor Silva

Policia

Junte dez embalagens vazias e troque por uma cheia. A promoção poderia ser apenas mais uma de tantas que são feitas por empresas atualmente, não fosse o conteúdo: cocaína. A jogada de marketing está sendo feita por traficantes ligados à facção criminosa Comando Vermelho (CV) nas bocas-de-fumo do Complexo do Cantagalo, que é composto pelas favelas Pavão, Pavãozinho e Cantagalo e possui acessos pelos bairros Copacabana e Ipanema, na Zona Sul do Rio. A descoberta foi feita ontem por agentes da equipe Gladiadores do Serviço de Inteligência (P-2) do 1º BPM (Estácio), que realizavam operação em conjunto com equipes da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) na localidade.

Além de incentivar o retorno do viciado, a promoção também representa economia para os traficantes, que dessa forma conseguem repor a embalagem – de plástico em formato de tampa de caneta – e recolocá-las no mercado. Conhecida como “tubo eppendorf”, ela tem quatro centímetros de altura e é usada em laboratórios para reações químicas e também para transporte de produtos médicos. Cada uma é vendida em média por R$ 3. Na promoção da boca do Cantagalo, elas são usadas para armazenar cocaína e são vendidas a R$ 10.

Policia

“O viciado que vai até aquela boca com freqüência junta dez embalagens e troca por uma. Ele gasta R$ 100 e ganha um brinde de R$ 10”, revelou um dos integrantes da equipe Gladiadores que participou da ocorrência.

Policia

O comandante do 1º BPM, tenente-coronel Sérgio Mendes, explicou que a operação foi realizada após o recebimento de uma denúncia que afirmava que o traficante conhecido como Paulinhozinho, do Morro do Fallet, em Santa Teresa, estaria escondido na região.

Policia

“Fizemos um trabalho de inteligência e, com autorização do 1º Comando de Policiamento da Capital, montamos uma operação, com apoio da Core, para checar os dados recebidos. Infelizmente não localizamos o criminoso procurado, mas o resultado foi positivo”, ressaltou o oficial.

Policia

A ação terminou com cinco presos: Thiago Correia Dias, 20 anos, Felipe Santos Coutinho da Silva, o Bilóia, 19, Euclides Aparecido dos Santos Estevão, o Dino, 20, Rômulo Francisco Viana da Silva, 26, e Márcio Luiz Brandão, o Tchomen, 18. Enquanto este último – que tinha duas passagens, por furto e assalto a mão armada, em 2004 e 2005 – possuía um mandado de busca e apreensão por assalto a mão armada praticado enquanto ainda era menor de idade, os outros quatro ficaram presos autuados por porte ilegal de arma, tráfico de drogas e associação para fins de tráfico.

Morador de Teresópolis, na Região Serrana do Rio, Dino cumpriu oito meses de prisão por furto e estava há cerca de três meses na casa de um primo, no Cantagalo. Já Rômulo Francisco tinha passagem por porte ilegal de arma, tendo sido autuado na 38ª DP (Brás de Pina), em 2005. Ele ficou preso durante um ano e dois meses.

Além dos cinco presos, os PMs apreenderam grande quantidade de munições de diversos calibres e drogas – entre maconha, cocaína, haxixe e crack – além de quatro armas. Entre elas, uma pistola calibre 40 da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro que era do inspetor Sandro Luiz Fernandes Marques, 35.

Policia

Lotado na Corregedoria Interna da Polícia Civil (Coinpol) desde 2005, ele estava há três anos na instituição quando foi assassinado por criminosos da Favela Nova Holanda, no Complexo da Maré, em Bonsucesso, na Zona Norte do Rio, em setembro de 2008.
Neto do cantor e compositor Luiz Gonzaga, o Gonzagão, o policial já havia pedido exoneração do cargo para se dedicar ao documentário sobre a vida do avô. Ele desapareceu na madrugada do dia 19 de setembro, depois de sair de um bar na Lapa, na região central do Rio. Ele deixou um amigo em casa, na Ilha do Governador, e não chegou à sua residência, no mesmo bairro. O corpo do policial foi encontrado na Rodovia Washington Luiz, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, e seu veículo – um Meriva Preto – foi recuperado na Nova Holanda.

Antes de trabalhar na Coinpol, o inspetor havia passado pela 37ª DP (Ilha do Governador) e pela Assessoria de Estatística e Planejamento (Asplan). Ele teria sido abordado pelos bandidos que o confundiram com um policial militar lotado no 22º BPM (Maré), que também dirigia um Meriva preta e com quem os traficantes haviam trocado tiros três meses antes. Após descobrirem a identidade de policial civil, os criminosos decidiram matá-lo com mais de dez tiros.

Anúncios
comentários
  1. Vigilante disse:

    http://extra.globo.com/geral/casodepolicia/posts/2009/04/15/baile-de-gala-na-pm-177371.asp

    Enviado por Marcelo Dias – 15.4.2009| 7h00mBaile de gala na PM
    Dia 16 de maio tem festa na PM. Na verdade, um baile de gala. A convocação para o arrasta-pé saiu anteontem, no Boletim da PM, e partiu da Academia Dom João VI. O Baile do Espadim, para comemorar a formação dos novos oficiais, será no Clube Monte Líbano, na Lagoa, às 22h. Os militares devem vestir seus trajes de gala; os civis, smoking; e as damas, claro, longo.

    No aviso, os organizadores frisam a “fiel observância às especificações dos uniformes e trajes preconizados neste item a fim de evitar constrangimentos e visando engrandecer e dignificar o evento”. Ou seja: os bicões que chegarem de jeans serão literalmente barrados no baile.

    Além disso, pede-se às oficiais que estejam com cabelos presos, conforme manda o figurino militar. Nada de chapinha, portanto! Os convites devem ser solicitados até o próximo dia 30 na academia e retirados na PM-5 da Dom João VI nos dias 6 e 7 de maio. Sem convite, sem festa.

    Em tempos de crise, o informe só não comenta o valor da festa.

    Receba este blog Permalink Envie Comente Ler comentários (2)

  2. LUIZ disse:

    ONDE O ESTADO NÃO SE FAZ PRESENTE, QUEM É DONO DA BOCA É UM REI!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s