Criminosos deixam mais de 2 mil sem telefone na Tijuca

Publicado: 3 de agosto de 2009 em polícia civil, prisão, segurança pública, Uncategorized, Zona Norte do Rio
Tags:, ,

Fotos: Bruno Gonzalez

roubo de fios (2)

Minutos após terem deixado mais de 2 mil moradores sem telefone na Tijuca, na Zona Norte do Rio, quatro prestadores de serviço da empresa de telecomunicações Nokia Siemens Network foram presos por agentes da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF).

O grupo estava em uma caixa subterrânea onde passam fios de telefonia, na Rua José Higino, quando foi surpreendido pelos policiais, que chegaram até o local devido à ação desastrosa da quadrilha: eles cortaram um fio errado. Se tivessem conseguido tirar os 100 metros de cabo que pretendiam cortar, teriam um lucro de aproximadamente R$ 25 mil.

roubo de fios (1)

“Ao iniciarem o furto, eles cortaram o cabo ativo e, com isso, a central Oi detectou um problema nas linhas, conseguindo localizar onde eles estavam”, informou o delegado Roberto Nunes, titular da DRF, revelando que a ação prejudicou 2.400 assinantes na área da Praça Saens Peña e adjacências, no último sábado, dia 1º.

Cidimar Vieira Neves, 39 anos

Cidimar Vieira Neves, 39 anos

Os presos estavam de folga e usavam um veículo da empresa – a Kombi branca placa ANS 5946. Eles foram identificados como sendo o encarregado Cidimar Vieira Neves, 39 anos, e os oficiais de rede Jone Cassiano Rodrigues, 36, Ronaldo Ferreira Nascimento, 39, e Leandro Costa Faria, 27.

Ronaldo Ferreira Nascimento, 39 anos

Ronaldo Ferreira Nascimento, 39 anos

Os dois últimos moram na Baixada Fluminense, respectivamente em Nova Iguaçu e Belford Roxo, e os dois primeiros são das zonas Norte e Oeste do Rio, morando, respectivamente, no Colégio e em Guaratiba.

Leandro Costa Faria, 27 anos

Leandro Costa Faria, 27 anos

“Esse tipo de ação é comum. Geralmente os criminosos simulam que estão fazendo algum tipo de conserto e cortam cabos de telefonia e energia elétrica para vendê-los nos ferros-velhos. Esses estabelecimentos juntam e vendem para grandes empresas que fundem o cobre, enviando este material até para o Estado de São Paulo”, declarou o delegado, ressaltando que cerca de 30 mil metros de fio são furtados por mês, em todo o Estado do Rio.

“Desde que passamos a atuar sobre essas empresas, esses crimes têm diminuído sistematicamente. Além das vistorias, estamos programando diversas batidas nestes locais”, enfatizou Roberto, que autuou os funcionários por tentativa de furto.

LEIA MAIS AQUI:

Pauta do Dia no Top Blog!

Anúncios
comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s