Fotos: Pedro Pantoja

presos borel

“Este é o início de uma resposta a tudo que vem acontecendo no Rio de Janeiro”. Com esta frase, o chefe de Polícia Civil, Alan Turnowski, explicou a operação Família S/A, realizada no Morro do Borel, na Tijuca, na Zona Norte do Rio, na manhã desta sexta-feira, dia 30.

O objetivo da ação era cumprir 36 mandados de prisão – sendo 31 preventivas e cinco temporárias – 25 de busca e apreensão e um mandado de seqüestro de bens. Do total, 23 foram cumpridos – sendo que 10 pessoas foram presas ontem e outras 13 já estavam detidas. Entre elas, os traficantes Isaías da Costa Rodrigues, o Isaías do Borel, e William Rodrigues Silva, o Robocop, que é seu sobrinho. Até a tarde, 12 pessoas continuavam foragidas.

IMG_8732

“Esta é uma evolução da investigação feita pela Polícia Civil. Primeiro prendemos os chefes, depois apreendemos armas e drogas e agora o dinheiro do tráfico. Nessa terceira fase, começamos a combater o lucro do tráfico, aquele dinheiro que não é investido de volta no crime e sim sustenta as famílias dos criminosos”, ressaltou Turnowski.

Cerca de 200 policiais civis lotados em 20 delegacias especializadas participaram da ação. Entre os presos ontem, Sílvia Regina Rosário Rodrigues e Emília Costa Rodrigues, respectivamente mulher e irmã de Isaías do Borel – que está preso há 17 anos, sendo dois no Presídio Federal de Catanduvas, no Paraná, considerado de seguraça máxima.

IMG_8751

A outra mulher presa foi Flávia dos Santos Oliveira, mulher de Robocop. As três são acusadas pela Polícia de levar e trazer recados dos traficantes durante as visitas.

“Durante as visitas nos presídios, familiares e advogados recebiam ordens dos traficantes para que estes esquemas de lavagem de dinheiro fossem executados. A visita é um direito que o preso tem. Agora, vamos atrás de familiares de outros traficantes que estão presos para que esquemas parecidos com estes sejam desarticulados”, garantiu o chefe de Polícia Civil.

IMG_8839

Um apartamento onde a irmã de Isaías de Borel morava, na Rua Conde de Bonfim, na Tijuca, foi confiscado. De acordo com a escritura, o imóvel foi comprado por R$ 150 mil.

“O apartamento estava em nome da irmã dele, sendo que ela jamais teve um trabalho e não apresentou origem do dinheiro usado na compra”, explicou o diretor de Polícia da Capital, Ronaldo Oliveira.

O delegado Luiz Cláudio Cruz, titular da 19ª DP (Tijuca), afirmou que as investigações tiveram início em fevereiro de 2008. No mês seguinte, eles tiveram autorização judicial para fazer interceptações telefônicas e, de abril daquele ano até setembro de 2009, realizaram diversas operações no Morro do Borel.

“Entregamos o relatório final no último dia 21 de setembro e no dia 24 solicitamos à Justiça os mandados de prisão e busca e apreensão”, informou Cruz.

IMG_8810

O secretário de Estado de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, enfatizou a importância da operação Família S/A.

“Procuramos mostrar à sociedade o trabalho feito por “laranjas”, responsáveis pela lavagem do dinheiro do tráfico de drogas. O Isaías do Borel estava na iminência de sair e esperamos que isso agora não ocorra. Isso representa um prejuízo financeiro muito grande para as lideranças do Comando Vermelho”, destacou Beltrame.

Os outros presos foram identificados como Rafael Caldeira Barbosa, Marivaldo José de Oliveira, Arnaldo Borges Júnior, Mauro Sérgio Legal Rocha, Gabriel Gardelino de Lima, Leandro de Oliveira e Roberto Carlos Pires Cordeiro. Este último não estava na lista de procurados, mas era foragido da Justiça e possuía outros três mandados de prisão.

____________________________________________________

Quer ganhar Kits do filme “Alô, alô, Terezinha” ??


alo-alo-terezinha-cartaz

Saiba Mais Aqui: Brindes e Promoções para os Leitores

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s