Disque-Denúncia oferece R$ 3 mil pelo Bonde do Mão

Publicado: 5 de maio de 2010 em Disque-Denúncia, Morte de Policial, segurança pública, Uncategorized

O Disque Denúncia está oferecendo R$ 3 mil por informações que levem à prisão de Emerson Ventapane da Silva, o Mão, 37 anos, Jean Pinheiro Laranjeira Duarte, 22, Fábio da Costa Souza, o Fabinho Piloto, 25, e Pedro Henrique Oliveira de Souza, o Pedrinho, 27. Todos são integrantes do Bonde do Mão, também conhecido como “Bonde do 157” (artigo do Código Penal referente ao crime de assalto) e “Bonde dos 40”.

O cartaz está sendo divulgado uma semana após a matéria exclusiva publicada pelo Jornal POVO do Rio e aqui no Pauta do Dia denunciando policiais do Grupamento de Ações Táticas (GAT) do 9º BPM (Rocha Miranda).

Os PMs – incluindo um oficial – abordaram Mão e seus comparsas na Rua Guiraréia, em Irajá, na Zona Norte do Rio, no dia 17 de abril, e o liberaram mediante o pagamento de R$ 200 mil e a entrega de quatro fuzis.

Cinco dias depois, o Bonde do Mão voltou a atacar e assassinou mais um PM. A última vítima foi o sargento Robson Martins da Silva, 40. Lotado no 26º BPM (Petrópolis) e motorista do comandante da unidade, o policial foi morto a tiros quando seguia com a família no Mégane placa KZL 0447 para sua casa de veraneio em Saquarema, na Região dos Lagos. O crime ocorreu na manhã do dia 22 de abril, no mesmo bairro em que Mão havia sido abordado pelos colegas de farda do sargento.

Outra vítima da quadrilha foi o cabo reformado da PM Ulisses Correia Dutra, 43, morto ao trocar tiros com os bandidos na tentativa de evitar um assalto no Largo do Bicão, na Penha, também na Zona Norte, no dia 3 de abril.

Baleado pelo policial, o traficante Isaias Salgado da Silva, o Novinho, 19, morreu ao dar entrada no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha. De acordo com policiais do Serviço de Inteligência (P-2) do 16º BPM (Olaria), o bando foi responsável pelo assassinato de pelo menos cinco policiais militares na região em menos de um ano.

“O Mão age, principalmente, em Vista Alegre e Irajá, onde foi criado. Alguns de seus amigos de infância se tornaram policiais militares e impediam que ele agisse na região, o que o deixou revoltado. Ele acabou conseguindo o apoio de traficantes da Chatuba e passou a aterrorizar a região”, explicou um policial da P-2 do 16º BPM.

A Polícia também investiga a informação de que o criminoso contaria com a ajuda de PMs para identificar colegas de farda, potenciais vítimas da quadrilha. Quem tiver informações sobre Mão e seus comparsas pode ligar para a P-2 do 16º BPM, através do telefone 2334-7457. Para receber a recompensa, é preciso utilizar o número do Disque-Denúncia (2253-1177). O anonimato é garantido.

Anúncios
comentários
  1. […] This post was mentioned on Twitter by Roberta Trindade, Roberta Trindade. Roberta Trindade said: Disque-Denúncia oferece R$ 3 mil pelo Bonde do Mão: http://wp.me/p4i7R-1ah […]

  2. C. disse:

    Gostaria de saber sua opinião sobre fatores que motivem a população a denunciar pessoas, como por exemplo o traficante FB.

    Desculpe-me pelo sigilo.

  3. Nós do grupo boca de sabão tiramos nosso chapéu para você! Está de parabéns e conte sempre conosco

  4. […] Moura Barbosa, 32, se tornou mais uma vítima do Bonde do Mão. (Leia mais sobre o Bonde do Mão: AQUI) Lotado no 16º BPM (Olaria), o PM se dirigia para o batalhão quando se deparou com os criminosos, […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s