Dupla assaltava mulheres para comprar crack

Publicado: 2 de julho de 2010 em Uncategorized

Minutos após tentar roubar a bolsa de uma comerciante, na Estrada Velha de Maricá, no bairro Maria Paula, na divisa entre os municípios de Niterói e São Gonçalo, uma menor de 13 anos de idade e um técnico de informática foram surpreendidos por dois policiais civis que se dirigiam ao trabalho e presenciaram o crime, na manhã desta terça-feira, dia 29. Eles levaram os dois acusados para a delegacia, onde descobriu-se que a dupla já havia assaltado outras quatro mulheres em Icaraí, na Zona Sul de Niterói, na noite anterior.

Morador do Fonseca, na Zona Norte de Niterói, o técnico de informática Gabriel Fernandes Breder Garcia, 30 anos, contou aos policiais que a menor era prostituta e que eles saíam juntos para cometer assaltos e poder comprar crack. A adolescente, que mora na Covanca, em São Gonçalo, era a responsável por puxar as bolsas das vítimas, enquanto ele ficava próximo, a esperando dentro do próprio carro – o Golf prata placa LNO 4833 – para ajudar-lhe na fuga.

Depois de roubarem quatro estudantes, os criminosos foram pegos de surpresa por um problema no carro. Sem poder fugir, eles pediram ajuda ao pai do técnico de informática, que é mecânico e não sabia da atividade criminosa do filho. Após ter seu pedido de socorro atendido pelo pai, que consertou o veículo, ele continuou a onda de assaltos.

“Eles só atacavam mulheres e os alvos preferidos eram as estudantes e as senhoras de idade”, contou um dos policiais que participou da prisão.

Após a série de roubos praticados na Zona Sul de Niterói, a dupla foi até o Morro do Cavalão, também em Icaraí, e comprou crack. Após consumir a droga durante toda a madrugada, se preparou para fazer novas vítimas.

“Eu estava indo abrir meu bar e caminhava pela calçada quando o Golf passou devagar do meu lado e parou logo em frente. Eu vi quando a garota saiu do carro e parou em um orelhão, fingindo que ia ligar para alguém, e resolvi passar pela rua. Saí da calçada e passei pelo carro. Quando voltei pra calçada, ela agarrou minha bolsa”, contou a comerciante de 53 anos, que reagiu à investida.

“Quanto mais ela puxava, mais eu segurava. Ela gritou dizendo “solta que é um assalto” e disse que ia atirar em mim. Eu dei um chute na canela dela e consegui correr. Atravessei a rua sem nem ver se algum carro ia passando. Foi nessa hora que um motorista parou e perguntou o que estava acontecendo. Eu disse que os ocupantes do Golf tinham tentado me assaltar e ele falou que era policial e foi atrás”, relembrou a vítima.

O policial, que estava de plantão na 75ª DP (Rio do Ouro) e seguia para a distrital, encontrou outro colega de serviço que também se dirigia para a delegacia e que o ajudou a abordar a dupla. Com os acusados, que não estavam armados, os policiais ainda encontraram cinco pedras de crack.

Anúncios
comentários
  1. Thiago disse:

    O triste e ver nossos amigos, colegas, irmãos, primos, maridos,mulher, filhos, pais, e não poder fazer nada pois e o livre arbítrio de cada um é você quem escolhe o que quer para a sua vida no Maximo podemos orientar, mas à coisas que não são falta de orientação, e um caminho que a pessoa escolheu que não tem como voltar a não ser que aprenda do pior jeito sofrendo pois acredito eu que ele não deve estar nesse momento em um lugar muito agradável.
    Conheço Gabriel desde a infância bom aluno de família de boa educação, estudou nos melhores colégios. É ai que eu digo não e o local nem a origem da pessoa e sim a escolha que nos fazemos.

  2. Augusto disse:

    Estou profundamente triste, Gabriel sempre foi tranquilo e de família, sempre foi bom e inteligente o que o Crack faz com as pessoas é lamentável !!! desejo-lhe muita força Gabriel.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s