PM morre ao reagir a assalto em São Gonçalo

Publicado: 3 de outubro de 2010 em Uncategorized

No primeiro dia do mês de outubro mais um PM entrou para a estatística de policiais mortos no Estado do Rio de Janeiro. Somente em setembro, foram 15 baleados, sendo que nove não resistiram. Do total, seis estavam de serviço. Dessa vez, a vítima foi um integrante da equipe que fazia parte da segurança dos filhos do comandante geral da Polícia Militar, coronel Mário Sérgio Duarte de Brito.

Há três anos na corporação, o soldado Rodrigo Luiz dos Santos, 28 anos, havia acabado de sair do restaurante que também funcionava como casa de shows Caneco 90, na esquina das ruas Melo e Souza e Doutor Alfredo Backer, no Mutondo, em São Gonçalo, quando foi surpreendido por dois homens armados no momento em que manobrava o seu carro – o Honda Civic preto placa KVT 3208 -, por volta das 4h30 desta sexta-feira, dia 1º de outubro.

Ele estava acompanhado pelo amigo Rony Seixas, 25, que é office-boy. Em depoimento a policiais da 74ª DP (Alcântara), ele contou que andaram poucos metros, da casa de shows até um posto de combustíveis existente ao lado do fast-food Habib’s, na Rua Doutor Alfredo Backer, onde o PM havia deixado estacionado seu automóvel.

Soldado PM Rodrigo Luiz dos Santos, 28 anos

“Ele falou que receberam a ligação de duas amigas e enquanto o Rodrigo manobrava o carro, ele foi falar com elas. Nesse momento, disse ter ouvido o barulho dos disparos”, relatou o inspetor Fabrício Leite, do Setor de Homicídios da 74ª DP.

Uma outra testemunha afirmou ter visto o momento em que os dois criminosos entraram no carro do PM e, sentados no banco do carona, apontaram uma arma pra ele, que teria colocado as duas mãos para o alto. Logo em seguida, o policial teria sacado sua pistola calibre 40 e reagido. A arma do PM – que tinha capacidade para 15 tiros – foi apreendida com apenas quatro munições intactas.

“O amigo dele correu, retirou os dois criminosos do carro e com a ajuda de pessoas que estavam no posto colocou o PM no banco do carona e o socorreu”, revelou Fabrício.

No entanto, ao invés de parar no Pronto Socorro de São Gonçalo (PSSG), no Zé Garoto, o office-boy dirigiu até o Pita, onde buscou um amigo, e somente depois retornaram para o Centro de São Gonçalo, levando o PM até a unidade de saúde. Ele morreu momentos depois.

Os dois criminosos, identificados como Renato Carlos Lima dos Santos e Júlio César Luís Domingos Júnior, ambos de 22 anos, morreram no local do crime. Os corpos foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML) de Tribobó somente no início da manhã. Enquanto o primeiro, morador do Jardim República, tinha passagem por tráfico de drogas, o segundo, que morava no Jardim Alcântara, já havia sido preso por assalto a mão armada. As duas prisões foram efetuadas em 2007.

Durante o sepultamento do corpo do soldado, realizado no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, na Zona Oeste do Rio, o comandante-geral da PMERJ manifestou profundo pesar pela perda de mais um policial militar.

“Cada policial morto no enfrentamento do crime é mais uma família a sentir uma dor que não tem atenuantes”, disse o coronel Mário Sérgio, que determinou que todas as providências sejam tomadas no sentido de dar amparo aos familiares do PM.

“Não podemos exigir um comportamento diferente do policial diante de um assalto, faz parte da índole, da natureza dele. Não poderia dizer se ele fez mal ao reagir. O policial foi selecionado entre centenas para fazer a segurança de minha família, e nesta seleção pesam os critérios de compromisso, lealdade, coragem, todos cumpridos de forma excepcional por ele. Nosso sentimento neste momento transcende a mera relação profissional”, enfatizou o oficial.

Do dia 6 de janeiro a ontem, 136 policiais foram baleados no Estado do Rio de Janeiro. Destes, 68 morreram – sendo 56 PMs, 11 policiais civis e um agente da Polícia Federal.

Acompanhe os números completos aqui:
Estatística de policiais mortos e baleados no Estado do Rio em 2010

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s