Empresária171.com.br: designer de moda acusada de sequestro

Publicado: 19 de outubro de 2010 em Uncategorized

empresária e designer de moda Flávia Machado Pinheiro, a Flavinha, 36 anos

Acima de qualquer suspeita. Assim o delegado Cristiano Maia, adjunto da 77ª DP (Icaraí), definiu a empresária e designer de moda Flávia Machado Pinheiro, a Flavinha, 36 anos. Dona de uma loja de roupas em um shopping da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, ela foi presa, na manhã desta terça-feira, dia 19 de outubro, acusada de praticar um seqüestro relâmpago em Icaraí, na Zona Sul de Niterói, no início do mês.

De acordo com a Polícia, ela e um homem que ainda não foi identificado abordaram uma aposentada de 79 anos na Rua Ministro Otávio Kelly, no dia 5 de outubro. Na ocasião, a empresária ameaçou a vítima dizendo que seu filho estava em poder de comparsas e exigindo que ela pagasse R$ 40 mil de resgate.

Como os bancos em Niterói estavam fechados por causa da greve dos bancários, ela obrigou que a aposentada entrasse em seu veículo – descrito pela vítima como sendo um carro grande e preto – e a levou até uma agência do Itaú, na Barra da Tijuca. No estabelecimento, a idosa pegou um empréstimo de R$ 40 mil. O dinheiro foi sacado em uma agência no Recreio dos Bandeirantes, também na Zona Oeste do Rio.

“Ela não usava arma. Ia na sugestão, dizendo que o filho da vítima estava seqüestrado e fazendo ameaças. Já existem outros dois registros em que ela é acusada de praticar seqüestros relâmpagos, em duas delegacias do Rio”, ressaltou o inspetor Jorge Tinoco, chefe do Setor de Investigações (SI) da 77ª DP.

Flávia Machado Pinheiro, a Flavinha, 36 anos

“No início chegamos a trabalhar com a hipótese da aposentada ter caído em um golpe, pois muitos idosos ainda caem em golpes como os do paco ou do bilhete premiado. No entanto, ela a todo momento enfatizou que foi vítima de um seqüestro relâmpago”, destacou Tinoco.

Após duas semanas de investigação, os policiais da distrital identificaram Flavinha como sendo a mulher que conduziu a aposentada e a acompanhou ao banco fingindo ser sua filha. Além da vítima, funcionários da instituição financeira estiveram na delegacia e reconheceram a acusada através de fotografia.

Com o reconhecimento, foi pedida à Justiça a prisão temporária de Flávia. De posse de mandados de prisão e apreensão expedidos pela 1ª Vara Criminal de Niterói, equipes da 77ª DP foram até a residência da empresária, no Recreio dos Bandeirantes, onde a prenderam. Os agentes também apreenderam um Ford EcoSport preto que coincide com a descrição do carro usado no crime dada pela vítima.

“O modus operandi, ou seja, a forma que ela agia, dos dois registros feitos no Rio de Janeiro é muito semelhante ao que ela praticou aqui. Fora desses registros, ainda não há informações de que ela tenha cometido o mesmo crime outras vezes, por isso solicitamos a outras eventuais vítimas que a reconheçam através da fotografia que venham até a delegacia”, solicitou o delegado Cristiano Maia.

“Ela é empresária, dona de uma loja de roupa, mora em um apartamento de luxo. Era, a princípio, uma cidadã acima de qualquer suspeita”, enfatizou.

A acusada negou as acusações e, ao ser apresentada à imprensa, jogou os longos cabelos sobre o rosto. Visivelmente irritada, se limitou a dizer “não quero advogado, não quero nada. Só quero sair dessa sujeira e ir logo pra cadeia. Quero ir pra Polinter. Uma hora dizem que sou estelionatária, outra hora me acusam de ser seqüestradora. Sou inocente e não quero falar mais nada “ponto com ponto br”, disse.

Anúncios
comentários
  1. marcelo disse:

    Parabens Roberta! Mais uma vez vc saiu na frente..nenhum portal noticiou essa materia e vc ja tinha colocado no twitter. Parabens. Gosto de acompanhar seus trabalhos.
    Abracos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s