Comerciante acusado de abusar de meninas em São Gonçalo

Publicado: 18 de dezembro de 2010 em Uncategorized

Foto: Luiz Nicolella

Acusado de abusar sexualmente de seis meninas, de 6 a 14 anos de idade, o comerciante José Ferreira Lima, 47 anos, foi preso por policiais da 72ª DP (Mutuá), na manhã desta sexta-feira, dia 17 de dezembro. Ele foi intimado a comparecer na delegacia, onde recebeu voz de prisão com base em um mandado temporário de estupro de vulnerável expedido pela juíza Maria Aparecida Costa Bastos, da 2ª Vara Criminal de São Gonçalo.

De acordo com as investigações, o acusado, que é proprietário de um bazar na Rua Roberto Duarte, no Boaçu, se utilizava de alguns atrativos de seu estabelecimento comercial – como doces e sorvetes – para se aproximar das crianças e praticar os crimes, que tiveram início em maio do ano passado. Em depoimento, quatro menores contaram que o acusado tentava “agarrá-las” e beijá-las, além de passar a mão em suas partes íntimas.

As outras duas vítimas apenas presenciaram os abusos perpetrados contra as amigas. As meninas também contaram que uma delas chegou a ter a roupa retirada pelo comerciante, que filmou a cena em um telefone celular. O aparelho foi levado para o Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE) e será submetido à perícia para avaliação do conteúdo.

O inquérito foi instaurado no dia 27 de novembro desse ano, quando o acusado foi linchado por parentes das vítimas e populares. Inicialmente, o caso foi registrado como lesão corporal no qual o comerciante figurava como vítima. Entretanto, após as investigações, o delegado Geraldo Assed, titular da distrital, encontrou indícios de que as agressões foram praticadas em retaliação aos abusos praticados contra as crianças. Na ocasião, o comerciante sofreu duas fraturas na mandíbula e foi encaminhado ao Pronto Socorro de São Gonçalo (PSSG), onde foi submetido a uma cirurgia.

Na denúncia oferecida pelo Ministério Público (MP), o promotor Cláucio Cardoso, da 2ª Central de Inquéritos, afirma que o acusado tem personalidade distorcida e voltada para práticas libidinosas com crianças e adolescentes.

“A periculosidade do agente é evidente diante dos graves fatos em apuração, sendo possível concluir que estamos diante de um pedófilo, que age de forma contumaz na localidade onde reside e ainda possivelmente estaria atuando oferecendo balas e doces em frente a uma escola”, completou o promotor.

O comerciante alegou que estava sendo vítima de inveja dos pais das vítimas por ser uma pessoa muito trabalhadora e querida no bairro.

“Adoro crianças e sempre brinquei com elas sem malícia alguma, pois sou pai e avô e não faria com o filho dos outros o que não quero para a minha família. Estou sendo vítima de uma armação”, defendeu-se.

Anúncios
comentários
  1. […] This post was mentioned on Twitter by Roberta Trindade. Roberta Trindade said: Comerciante acusado de abusar de meninas em São Gonçalo: http://wp.me/p4i7R-1C1 […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s