Mais um flamenguista preso por espancar autor de "Trem Bala da Colina"

Publicado: 23 de maio de 2011 em Uncategorized

Charles Rodrigues de Oliveira, o MC Charles e nos detalhes: Marlon César Soares Alvarenga, o Touchê, e Marcos Carlos da Silva Picoto, o Grilo

Acusado de ser um dos integrantes da Torcida Jovem do Flamengo (TJF) que participou da agressão ao cantor Charles Rodrigues de Oliveira, o MC Charles – autor do funk “Trem bala da Colina”, em homenagem ao Vasco –, o motoboy Marcos Carlos da Silva Picoto, o Grilo, 33 anos, foi preso por policiais do Núcleo de Homicídios da 72ª DP (Mutuá), na manhã desta quinta-feira, dia 19 de maio.

Ele foi surpreendido em sua residência, na Rua Genésio Pedro Machado, no Mutondo, onde recebeu voz de prisão em cumprimento ao mandado de prisão temporária por tentativa de homicídio, expedido pela juíza Patrícia Acioli, da 4ª Vara Criminal de São Gonçalo. O acusado é o segundo componente da torcida organizada rubro-negra preso por participação no crime.

No último dia 5, o vendedor ambulante Marlon César Soares Alvarenga, o Touchê, 35, uma das lideranças da TJF, se apresentou espontaneamente à Polícia após ser indiciado 10 vezes por tentativa de homicídio e formação de quadrilha. O camelô também é apontado como um dos agressores do MC Charles, além de autor dos disparos contra integrantes da Força Jovem Vasco (FJV) durante confronto entre torcidas, na Praça do Barreto, na Zona Norte de Niterói, no início do mês. Um homem, identificado apenas como Teco, também é acusado de participação no crime.

Investigações – De acordo com os agentes, o músico foi espancado com golpes de barras de ferro e soco inglês, na Praça Leonor Corrêa, na Trindade, no último dia 30 de abril. Ele teve perda parcial da memória e ficou dois dias internado no Hospital Estadual Aberto Torres (Heat) – mais conhecido como Hospital Geral de São Gonçalo -, no Colubandê.

O crime ocorreu no mesmo dia em que integrantes da TJF promoviam um churrasco, na Trindade, onde discutiram estratégias de deslocamento para o jogo entre Vasco e Flamengo, no Estádio João Havelange, mais conhecido como Engenhão, na Zona Norte do Rio. A reunião contou com a participação de integrantes da Torcida Independente do São Paulo, coir-mã da organizada rubro-negra.

Os policiais acreditam que os torcedores paulistas participaram tanto da agressão ao MC quanto do confronto que deixou nove baleados no Barreto. Testemunhas afirmaram que o grupo e os três acusados chegaram ao churrasco comentando que “haviam acabado de atropelar o trem bala”. A agressão seria uma retaliação ao assassinato de José Artur Miranda, o Pelé, 21, integrante da TJF assassinado a tiros em 1992. Na época, Charles, que era policial militar, foi acusado de participação no crime. Entretanto, apenas o irmão do MC foi condenado pela morte do torcedor.

Depoimento – Em depoimento, Grilo negou as acusações e disse não fazer parte da TJF desde 2000, quando teria sido afastado por divergências com a presidência da organizada. Ele afirmou que no dia do crime apenas passou pela Praça da Trindade, onde ficou sabendo sobre as agressões sofridas por Charles. O acusado também comentou que esteve no churrasco durante três minutos apenas para cumprimentar alguns amigos.

Praça de Guerra – O confronto ocorrido no dia 1º de maio teve um saldo de 102 presos e 11 feridos, sendo nove baleados e dois espancados. De acordo com a Polícia Militar, cerca de 400 integrantes das torcidas FJV e da TJF teriam se envolvido na briga. Foram detidos 74 vascaínos e 28 flamenguistas.

Os acusados foram conduzidos em um ônibus e em uma van à 78ª DP (Fonseca) e autuados por lesão corporal, além de serem inclusos no Estatuto do Torcedor (promover tumulto e incitar a violência).

RELEMBRE:

Camelô de Alcântara vai responder por dez tentativas de homicídios

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s