PMs são obrigados a assumir serviço desarmados e sem farda em UPPs

Publicado: 13 de fevereiro de 2017 em Uncategorized

16508714_1339915962718536_480077800114912197_n

Comandantes de algumas Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) estão determinando que os policiais entrem sozinhos nos morros – de carro particular ou a pé – para assumir o serviço a paisano e permaneçam apenas de colete próximo às bases.

No início da manhã desta segunda-feira, dia 13 de fevereiro, oito PMs foram presos por se recusarem a entrar no Morro do Turano, no Rio Comprido, na Zona Norte do Rio, sem uma ordem por escrito.

Somente o major Alexandre Silva Frugoni de Souza – comandante da UPP Coroa/Fallet/Fogueteiro – se recusou a colocar os PMs de sua unidade em risco, tendo em vista que existe na região uma guerra entre facções e PMs sem farda poderiam ser confundidos pelos criminosos com traficantes rivais.

Os policiais lotados nessas UPPs, localizadas em Santa Teresa, na região central do Rio, deixam seu material de trabalho em armários no Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), no Estácio, pois a maioria mora em municípios distantes. Como o protesto de familiares de PMs pelo pagamento da dívida do Estado com os PMs está impedindo a entrada na unidade, eles não conseguem pegar o equipamento.

Já os comandantes das UPPs Andaraí, Macacos e Salgueiro estão determinando que os PMs de suas unidades trabalhem mesmo assim.

#basta

P.S.
Oficial que age assim parece estar mais interessado em garantir os próprios interesses e não perder as próprias regalias que preocupado com as dificuldades pelas quais suas tropas estão passando.

Mas, quando se ganha o suficiente para ter reserva financeira, agir assim é mole.

Gostaria de saber se a atitude seria a mesma se recebessem R$ 3 mil e sem pagamento em dia – fora os valores que o Estado deve a seus policiais, que, mesmo sem receber, precisam continuar pagando suas contas e fazendo compras para colocar comida na mesa.

Esses homens e mulheres não querem favor e nem esmola: o que eles precisam é receber o que é deles por direito.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s