Bandidos usam ponto de observação em rodovia onde PM foi morto

Publicado: 8 de agosto de 2019 em Uncategorized

IMG-20190807-WA0411

Minutos após a morte do sargento Carlos Otávio Corrêa dos Santos, 46 anos, a Polícia Militar iniciou ações nas favelas que margeiam o trecho Niterói-Manilha da BR-101.

Todas as unidades subordinadas ao 4° Comando de Policiamento de Área (4°CPA) estão apoiando o 7°BPM (São Gonçalo) em operações no entorno do local.

“Estamos empenhados em dar a pronta resposta necessária que o caso requer. Estaremos presentes em todas as comunidades de onde possivelmente tenha originado essa ação terrorista que vitimou nosso policial militar”, ressaltou o coronel Marcelo Rocha, comandante do 4°CPA.

“À família do nosso herói sargento Otávio, compartilhamos o sentimento de luto e consternação. Este é um momento triste para todos nós, mas em que não podemos deixar de renovar nossa fé em Deus”, destacou.

Lotado nas Rondas Especiais e Controle de Multidões (RECOM), o sargento Otávio estava baseado no sentido Itaboraí da rodovia, em frente à garagem da viação Rio Ita, na altura do bairro Itaúna, em São Gonçalo, quando a viatura foi atacada por criminosos.

A suspeita é de que os tiros partiram de dentro da localidade conhecida como Recanto das Acácias, no Complexo do Salgueiro, no bairro de mesmo nome.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), que tem um posto em frente às garagem da Rio Ita, no sentido Niterói da via, descobriu um ponto de observação usado por bandidos para efetuar disparos contra os agentes.

O posto da PRF já chegou a sofrer nove ataques a tiros no intervalo de três meses. Em 2015 – quando pelo menos 12 equipes da PRF, da PM e da Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap) foram alvos de disparos no trecho – foi definido que a base seria transferida para outra localidade (relembre -> https://robertatrindade.wordpress.com/2016/11/11/apos-blindar-posto-por-conta-de-ataques-prf-decide-retirar-policias-da-niteroi-manilha/amp/)

No início do mês de agosto de 2019, foi anunciado que ela deve ficar agora na altura de Neves, próximo à Base de Fuzileiros Navais Ilha das Flores.

A corporação também aproveitou para anunciar que há previsão de um concurso ainda esse ano e para pedir aos deputados estaduais durante audiência na Alerj que solicitem ao Governo Federal o aumento do efetivo no local.

Atualmente, sete policiais são responsáveis pelo patrulhamento ao longo da rodovia nos municípios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí, Tanguá, Silva Jardim, Casimiro de Abreu e Rio Bonito.

O ponto de observação encontrado ao lado da garagem da viação RioIta tem sido monitorado com a utilização de drones.

Há 19 anos na corporação, o sargento Otávio chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Estadual Alberto Torres, no Colubandê, mas não resistiu ao ferimento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s