Açougueiro inconformado com separação mete a faca nos ex-cunhados

Publicado: 25 de julho de 2011 em Uncategorized

Inconformado com o término do relacionamento de três anos, o açougueiro Washington Martins de Araújo, 31 anos, resolveu atacar os familiares da ex-mulher e acabou matando a ex-cunhada com uma facada, na Favela do Rato Molhado, em Itaipu, na Região Oceânica de Niterói, no início da manhã deste domingo, dia 24 de julho. Na ação, ele também atingiu o marido da vítima com uma facada no abdômen, mas acabou sendo preso em flagrante por policiais do 12º BPM (Niterói).

O crime ocorreu por volta das 5h30 na Travessa Thaís, no alto da comunidade. De acordo com a Polícia, o açougueiro invadiu a casa da manicure Josiane de Oliveira Galdino, 31, e lhe deu uma facada na altura do peito. O marido da vítima, o vendedor Fabiano Ribeiro Batista, 34, tentou defender a mulher e também acabou sendo esfaqueado.

Após cometer o crime, o acusado tentou fugir, mas foi alcançado por moradores da comunidade. Eles acionaram os policiais do 12º BPM lotados no Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) de Itacoatiara, que prenderam o açougueiro em flagrante. A manicure morreu no local. Já o vendedor foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Hospital Estadual Azevedo Lima (Heal), no Fonseca, na Zona Norte de Niterói, onde foi submetido a uma cirurgia. De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado, ele teve o estômago perfurado, mas não corre risco de morrer. Seu estado de saúde é considerado estável.

Segundo familiares, o acusado possui um histórico de violência contra a ex-mulher, de 29 anos, o que teria provocado o fim do relacionamento. Ele teria ficado com ciúmes pelo fato da vítima ter levado a irmã para uma festa junina, no Engenho do Mato.

“Infelizmente, a violência doméstica ocorre diariamente, mas de forma silenciosa dentro das casas. Esse assunto precisa ser discutido de maneira mais séria para que não aconteça com outras pessoas o que ocorreu com minha família. Isso serve de exemplo para que as mulheres denunciem esse tipo de coisa antes que termine assim”, desabafou o professor de capoeira Humberto Salustiano Galdino, 33, irmão da vítima.

lmd_source=”23212704″;lmd_si=”33505537″;lmd_pu=”22478543″;lmd_c=”BR”;lmd_wi=”234″;lmd_he=”60″;

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s