PMs: já são 7 mortos e 7 baleados em 2009

Publicado: 17 de janeiro de 2009 em Uncategorized

2 de janeiro
Lotados no Auxílio à Polícia de Trânsito (APTran) do 32º BPM (Macaé), o sargento Rogério Barberino, 46 anos, e o soldado Leandro de Moura Teixeira, 25, foram assassinados pelo técnico de som Ricardo Carneiro Essucy, 44. Eles realizavam patrulhamento de rotina no Centro de Rio das Ostras quando foram acionados para conter uma discussão a poucos metros da rodoviária.

3 de janeiro
Lotados no Módulo Operacional de Vias Especiais (MOVE) do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), o soldado Márcio da Paz Pinho, 28 anos, e o cabo Marcos Valério de Souza Santos foram baleados no Elevado Engenheiro Freyssinet, mais conhecido como Elevado Paulo de Frontin, no Rio Comprido, quando faltavam 20 minutos para deixar o posto de serviço. os policiais foram alvos de tiros de fuzil efetuados por ocupantes de um Eco Sport preto de placa não anotada.

5 de janeiro
O policial militar Lúcio Luiz Lopes, 35 anos, lotado no 9º BPM (Rocha Miranda), foi morto, em Jacarepaguá, após ter sido baleado pelo colega de batalhão, Josué Jivago de Freitas Soares, 33. A mulher de Josué, Michelle Nascimento, contou que os dois trocaram tiros após discutir por causa de R$ 3.700,00.

7 de janeiro
O sargento Antônio dos Santos Filho, 43, lotado no 1º BPM (Estácio), foi abordado quando trafegava com seu veículo – o Palio branco placa LCS 9992 – próximo à passagem de nível da Estação Ferroviária, no Jardim Gramacho. Policiais militares lotados no 15º BPM (Duque de Caxias) revelaram que pelo menos quatro homens em um Golf de cor e placa não anotadas tentaram roubar o carro do sargento, que reagiu e acabou sendo baleado.

7 de janeiro
O soldado PM Fernando Queiroz Santa Marta, 34, foi baleado ao reagir a assalto na porta de casa, no bairro Jardim Primavera, em Duque de Caxias. Um dos criminosos, Reinaldo Júnior de Oliveira Pereira, 22, morreu na troca de tiros. O comparsa dele conseguiu fugir.

11 de janeiro
O cabo PM Anderson da Silva Oliveira, 30, morreu ao reagir a uma tentativa de assalto. Lotado no 2º BPM (Botafogo), ele se dirigia ao trabalho, em sua moto, quando foi surpreendido por uma falsa blitz que estava sendo realizada na Avenida Marechal Rondon, próximo à Rua Henrique Dias, no Rocha. Baleado na barriga, ele ainda foi socorrido e levado para o Hospital Salgado Filho, mas não resistiu aos ferimentos.

14 de janeiro
O corpo do subtenente reformado Rogério Luiz Nogueira Agueiro, 49, foi encontrado no Morro do Roseiral, em Belford Roxo, na Baixa Fluminense. Ele havia sido expulso de casa pelo traficante conhecido como Zingo. O PM chegou a morar em Santa Cruz e Campo Grande, onde foi ameaçado por milicianos porque não queria fazer parte do grupo. Quando voltou para Belford Roxo, foi intimidado por um fogueteiro do tráfico, que disse: “Fugiu no Ano Novo, né?”

16 de janeiro
O sargento PM Marco Antônio Barreto Siqueira, o Rambo, 41 anos, foi assassinado com vários tiros de fuzil no fim da noite de sexta-feira, na porta de casa, na Rua Punta Del Este, na localidade Terra Bela, em Campo Grande, Zona Oeste do Rio. Ele estava na Diretoria Geral de Pessoal (DGP). Estava cedido há três anos ao gabinete do deputado estadual coronel Jairo (PSC). Trabalhava como motorista do oficial, que é vice-presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). Não sei o porquê, mas a assessoria do deputado negou a informação.

17 de janeiro
O sargento PM Renato Sunny Ferreira da Silva, 36 anos, e o soldado Mário Pernambuco, lotados no 6º BPM (Tijuca), ficaram feridos durante ataque de bandidos a uma blitz realizada na Avenida Castelo Branco, na pista sentido Centro, próximo à saída do metrô do Maracanã. Os policiais checavam os documentos de uma moto em que viajavam Anderson Silvério da Silva e Thianny Úrsula do Carmo de Jesus Bellarmino quando vários homens chegaram ao local em vários carros, saltaram dos veículos e atiraram contra o PM e o casal. Os quatro foram baleados. Os criminosos teriam usado um Golf de cor e placa não anotadas, um Mitsubishi preto e uma Toyota Hilux vermelha.

17 de janeiro
Dois policiais militares lotados no 27º BPM (Santa Cruz) foram baleados em locais distintos, durante a folga. Em Santa Cruz, o cabo Carlos Josia da Silva Barbosa foi atingido por três tiros de fuzil e chegou a falar os nomes dos responsáveis pelos disparos, antes de ser socorrido. O outro PM, o cabo Bruno Marcelo Caetano dos Santos, foi atingido na porta de casa, em um condomínio da Caixa Econômica Federal (CEF) perto do West Shopping, em Campo Grande, também na Zona Oeste do Rio.

Anúncios
comentários
  1. Rosana disse:

    Gostaria de saber de nossas autoridades que sabem somente enganar a tropa com conversas fiadas ao invés de fazerem alguma coisa pra mudar esse quadro desumano e sem nenhuma consistencia para que seja valorizado os Policiais que ainda estão dando o seu sangue por uma instituição falida quando já teria de ser instinta por falta de competencia interna e do proprio governo do Estado quando diz que a tropa não está preparada mas continua com esses pobres PPMM desprepados nas ruas. Acabar com esse rancho que mais parece onde mendigos enchem suas barrigas por falta de onde comer, vamos dar dignidade a essa tropa para que eles comam o que querem e onde querem e não ficar sustentando um monte de oficiais superiores comendo camarões e outras especialidades e sustenrando um monte de colegas levando pra casa o que não os pertence que todos nós sabemos que isso acontece a muito tempo náo é? vamos lutar por horas extras e deixar de ser escravos desse governo que nos detesta como todos os outros, porque somos apenas nuneros, moedas de troca e etc, enfim usam e abusam de nós como e quando querem vamos nos unir pra que isso seja mudado o mais rápido possível e talvez assim teremos uma policia séria preparada e menos corrupta começando de cima pra baixo. obrigada pelo desabafo mas tive essa necessidade de expressar meus sentimentos que amuito tem me coruido. M e poupem de atuais represálias.

  2. […] Leia mais deste post no blog de origem: Clique aqui e prestigie o autor […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s